quinta-feira, agosto 27, 2009

16: Moments

Estou um pouco cansado disto tudo. Do dito pelo não dito. Do devíamos fazer mas nunca fazemos. Do temos que combinar qualquer coisa mas nunca combinamos nada. Do finalmente combinarmos algo mas depois desmarca-se tudo bem em cima da hora. Do sou assim não sou assado, quando toda a gente já percebeu que é cozido. Do nunca contribuir com nada, mas inconscientemente esperar que tem direito a tudo. As amizades constroem-se constantemente, não se seguram apenas com meras palavras vagas. É tudo assim quase que sem cor, é tudo assim quase que forçado e auto justificativo.

Ora bem, e não seremos todos um pouco assim? Cada um poderá falar por si.


Sem muito tempo para girar aos vossos espaços e os encher de comentários, tenho aproveitado no entanto para fazer outro tipo de coisas... viver aquilo que quero e tirar partido de cada momento... É que ainda anda por aí um cheiro a férias :)

10 comentários:

Isabel disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Isabel disse...

Fugas...Fugaz
A vida é tão "simples" como isto... De facto, as imagens e emoções que este vídeo mostra são algumas das cenas que todos nós já captámos, vivemos, chorámos, rimos e/ou Recordamos.
Ainda bem que tens consciência que podes ter "falhas" na semente que às vezes fica por regar...., mas o pior é quando alguém não tem esse dom, e tem a pertinência de criticar.... talvez um espelho ou este vídeo os façam reflectir.

Bons Momentos para ti...Adorei o vídeo, boa escolha! ;-) GdX

Pratas disse...

:) ainda bem que gostaste. É fantástico de facto. É um estilo de Sunscreen http://www.youtube.com/watch?v=JBKC1e9h4vY

Quanto ao criticar ou exigir sem razão, haverão sempre pessoas a fazê-lo, como eu também já o fiz algumas vezes. No final, há que acima de tudo olhar para nós próprios e ter bom senso. Isto para evitar cair na patetice.

Beijos Grandes ;)

An Ambush of Ghosts disse...

Hummmmm....

Estou a ver q precisas de um destes,old friend:

http://www.youtube.com/watch?v=9BE1YqDYlLo

:)

Dias disse...

O Tempo é me/nos precioso, mas por aqui não me importo de o deixar, porque me enriqueces.

E, estás a vintagar parceiro :)

Miguel Ferreira disse...

Amigão este fim de semana não escapas a uma jantarada...
Tal como tinhamos falado no Sábado!

É só dizeres quando é melhor para ti...
Se o melhor for os 2 dias... assim será!!!
Tempo para amigos como tu tenho SEMPRE!!!

Abraço forte

P.S. Grande dica no Sábado amigo...

Lídia Amorim disse...

olha concordo ctg acho que todos sentimos e fazemos um pouco disso, às vezes até inconscientemente mas fazemos.

Eu também me sinto assim, meio farta. Mas acho que hoje as pessoas inventam responsabilidades de trabalho, de casa, de tantas coisas para travar as pessoas que tentam chegar até si. Não sei explicar bem mas é estúpido, desculpa o termo, mas é disto que vivemos, do século que vivemos, sei lá... não vou tentar arranjar explicações, porque secalhar nem as há... enfim :S

beijituxx!

Pratas disse...

Cristina,
Um abraço cai sempre bem :) Mas de desconhecidos? Não estou assim tão carente :) Beijinhos

Dias,
Obrigado! E tu a mim companheiro! Espero que tenhas regressado em grande dessas férias. Leio-te por aí. Abraço ;)

Miguel,
Ainda bem que gostaste do restaurante amigo! OK, claro combinamos isso durante esta semana ;) Tempo já sabemos que temos pouco, e então se for aproveitado com as pessoas erradas é tempo deitado fora ;) 1 Abraço

Lídia,
Por vezes sinto-me mt triste pela distância que alguns amigos impuseram. Eu sei que é complicado gerir o tempo entre família, vida pessoal e amizades, é complicado sim. É um Enorme desafio gerir o Tempo que temos de forma a partilhá-lo com todos aqueles que gostamos. Quanto mais amigos tens, mais difícil é o exercício... Mas triste é sentir que caímos no esquecimento, ou que fizemos alguém cair. Por vezes um simples telefonema para dizer Olá pode fazer a diferença. Beijinho grande

Mestre disse...

Amigo,

o tempo é o mais certo que nós temos, 24 horas num dia que por vezes parece curto, noutros arrasta-se como cada minuto durasse uma hora.

Temos que o gerir e, bem ou mal, há coisas que ficam para trás mas que, com paciência, facilmente recuperamos com uma lembrança e um reencontro. E acredita que quando acontece o momento sabe bem melhor.

Grande abraço

Paulo disse...

E fazes tu muito bem. Aproveita enquanto podes!

Bom fim-de-semana ;)