quarta-feira, maio 02, 2007

Sempre Em Pé

A TV portuguesa por vezes traz-nos belas surpresas. Eu só daquelas pessoas que raramente vejo TV mas agora arranjei um motivo para a ligar mais vezes.

Desta vez, a RTP2 traz-nos um show de comédia ao estilo do "antigo" Levanta-te e Ri com alguns sketches pelo meio. Sempre Em Pé é um regresso ás origens num espaço pequeno e acolhedor, que é ao mesmo tempo gigantesco pelo ambiente de proximidade com o público.

Eu nunca fiz stand-up nem pretendo fazer, mas já fiz muitas apresentações e sei bem a diferença entre fazer girar uma pequena audiência num espaço pequeno, e uma grande plateia num espaço enorme... os comediantes devem-me entender. A proximidade é muito importante.

Para mim, o stand-up nasceu nestes espaços "caseiros" e nunca deveria ter saído deles. Boa sorte para o programa, e um grande abraço para o Terceirence Luís Filipe Borges e já agora para o seu irmão Paulo que conheço da Terceira.


Vejam este programa ás Terças, 23:30 na RTP2.

9 comentários:

Paulo disse...

Eu já ouvi falar do programa, mas ainda não consegui ver. Quero apreciar...

Fia disse...

É imperdível...depois do primeiro visto, os seguintes são um vício.

Lídia Amorim disse...

parece-me bem! :) uma boa solução para escapar ás rotinas da tv portuguesa...

Mestre disse...

Muitos bons os sketches, vou ver se não me esqueço apesar de actualmente a RTP2 ser dos canais que mais vejo.

Joana Oliveira disse...

Este sketch dos russos está muito giro!! Parabéns aos Pajorpa! Continuem! Já agora vejam o site deles que tem mais: www.pajorpa.com

Dias... disse...

Às terças, fica anotado.
Embora à partida seja um ceptico por falta de atrevimento no mainstream do stand-up made in Pt...
Abraço

Dias... disse...

Acabei por ver o 6º, e julgo que ultimo.
Não gostei, já estava à espera de não gostar... salvam-se alguns textos mas a forma como os debitam é demasiado vulgar.
Abraço

Dias... disse...

E ontem vi o programa certo. Pelo menos deduzo que seja o certo porque este se aproximava bem mais do por ti descrito.

Gostei, de novo mais dos textos que dos artistas, com excepção do apresentador que é um conhecido, um conhecido de muita qualidade.

Abraço

Pratas disse...

Boas Dias!

Sim, compreendo-te. O programa tem coisas boas e coisas menos boas.

Fico contente que dêem oportunidade aos talentos que por aí andam e não sempre aos mesmos.

Abraço